Motoclube de Macaé - Liberdade com disciplina


Untitled Document
20/11/2014 - "XIV MACAÉ EM DUAS E TRÊS RODAS/2014" - FOTO (Parte 2 - Atrações - Shows)!
De 20 a 23/ 11 / 2014 Vem ai....!!! MAIS UM EVENTO QUE SEMPRE FOI FEITO PRA VOCÊ..."Motociclista e Triciclista"!!! - DIAS 20,21,22 e 23 de NOVEMBRO DE 2014. ENCONTRO INTERNACIONAL DE MOTOCICLISTAS - ATRAÇÕES: 2 PALCOS COM SHOWS DE ROCK (BEATLES ABBEY ROAD - PETER MADCAT & BIG JOE MANFRA BLUES BAND COM PARTICIPAÇÃO DE JEFFERSON GONÇALVES - "COVER DO RAUL COM AYRTON RAMOS E RICK FERREIRA" (Guitarrista do Saudoso Raul seixas) - PURO ROCK, COM MARIANA KING (Participação de Sergio Rocha Blues) - RIVOTRIO - Bloody Mary & The Munsters - Tough Lover Cover (Com Mariana Oliveira)... RIVER COUNTRY TRIO - BLACK DOG - SANCTUARIUM - CILINDRADA - Efeito Thyndall – Status - Legado Eddie - Crazy Train - The Bira’s - ALMANAQUE 80 E...MUITAS OUTRAS BANDAS CONTRATADAS, QUE AINDA SERÃO DIGULGADAS...AGUARDE NOVAS INFORMAÇÕES E PROGRAMAÇÃO QUE SERÁ PUBLICADA EM BREVE!!!...(em andamento) EQUIPE FORÇA E AÇÃO DE MANOBRAS RADICAIS, ÁREA DE CAMPING COM CAFÉ DA MANHÃ E CHURRASCO 0800 NO SÁBADO (PARA MOTOCICLISTAS). LOCUÇÃO: PICKA-PAU Woody Woodpecker (MC.Jacarés do Asfalto-SP), RAMOS (MC. Aranhas do Asfalto-RJ) e ITAMAR CAVALERA (Jaguar do Asfalto de RIODAS OSTRAS-RJ).
   
   
22/08/2014 - 14ª CAMPANHA CESTA BÁSICA DO MOTO CLUBE DE MACAÉ
"Ultrapassamos a marca de 1.800 cestas arrecadadas até o presente momento". AGRADECEMOS O APOIO DE TODAS AS EMPRESAS PARTICIPANTES e DOADORES VOLUNTÁRIOS!!! >> A campanha continua a todo vapor!!! Confira "fotos", os painéis editados com as logomarcas das empresas participantes!!!
   
   
20/11/2013 - "CAMISAS DO XIV MACAÉ EM DUAS E TRÊS RODAS/2014"
NA COMPRA ANTECIPADA, PAGUE APENAS R$20,00. NA COMPRA ANTECIPADA DE 3 UNIDADES R$50,00. "Para garantir, é só depositar no Bradesco Ag.1545 Conta 62.890-5 em nome do Moto Clube de Macaé", nos informando através de "contato por este site e poderá retirar a sua camisa a partir do dia 10/9/14 nos seguintes locais: Sede do Moto Clube - Av.Rui Barbosa, n°. 1544 - Cajueiros -Macaé-RJ, ou na nossa recepção durante o evento, apresentando o seu recibo. OBRIGADO!!!
   
   
09/06/2012 - ""30 ANOS DO MOTO CLUBE DE MACAÉ" FOTOS
VIDE SITE: www.azullimao.com.br (LINK EM 1ª PÁGINA DESTE SITE)- CLIQUE EM GALERIA DE FOTOS. (((COBERTURA FOTOGRÁFICA))) AGRADECEMOS A TODA IRMANDADE!!! ATÉ NOVEMBRO NO "XII MEGA MACAÉ EM DUAS RODAS/2012"
   
   
01/06/2012 - "USHUAIA - DESAFIOS D0 MOTOCICLISTA"...A CHEGADA DO ALEXANDRE..QUANTOS DESAFIOS!!!
APESAR DO ATOLAMENTO, A QUEDA POR DESLIZAMENTO NO GÊLO, NOSSO IRMÃO VENCEU E NOS TROUXE TAMBÉM, ESSAS IMAGENS MARAVILHOSAS!PARABÉNS ALEXANDRE!!! Olá a todos, Amigos... Ontem, dia 01/06 cheguei em paz e segurança às 17:30hs graças à Deus. Desde sexta feira (25/05) da semana passada, minha moto esteve sob os cuidados da Oficina Starmax, autorizada Suzuki em Porto Alegre. Aproveitei e realizei todos os reparos pendentes na moto. Na quarta feira (30/05) me entregaram a moto zerada por completo. Excelente qualidade de prestação de serviço, estou satisfeitíssimo com o atendimento da loja liderada pelo Galdério, loja esta indicada pelos amigos motociclistas do nosso amigo Daniel que moram naquela região. No dia 31/05 (terça feira) saí cedo para poder chegar até Registro/SP, infelizmente dois acidentes na "rodovia da morte", com vítimas fatais, interditou as duas vias por 2 horas e meia. Com a água descendo e correndo solta, ficou inviável prosseguir viagem, "ancorei" minha moto numa estação de serviço e parada de ônibus da viação Catarinense as 18:30 hs e por lá permaneci sentado e aguardando o nascer do sol até as 7 hs da manhã. No primeiro horário, logo de manhã bem cedinho parti, ainda chuvendo, estrada com muita neblina e um pouco de friaca (digo friaca, porque a palavra "FRIO" e "VENTO" têm que ser respeitadas e não podem ser ditas em qualquer situação, ...rsrsrsrsr...). Cheguei bem e graças a Deus tudo correu 100%. Apesar de estar bem cansado, também estou muito feliz pela oportunidade de adquirir novas experiências, fazer novos amigos e consolidar amizades. Para finalizar..., No acidente com a moto em El Calafate e já tendo a moto outros problemas ocasionados pelo rípio em Cerro Sombrero, minha esposa me arguiu, o porquê de eu estar tão calmo e tranquilo com toda aquela situação acontecendo. Me reservei o direito de simplesmente dizer que explicaria a minha tranquilidade e atitude por ocasião do meu regresso. Agora eu posso falar para todos: -Tive a oportunidade de servir as Forças Armadas como Fuzileiro Naval por alguns anos e aprender um pouquinho sobre alguns procedimentos e forma de agir de um comandante e de um comandado, e tendo como líder do nosso grupo o Cmte Ferraz, eu sempre tive a certeza, garantia e confiança de que ele honraria a forma de agir e proceder de um líder..., "-NINGUÉM FICA PRA TRÁS!!!". Foi por isso que mesmo sem saber a real situação da minha moto naquele acidente, mais os problemas na suspensão, pneus etc..., me mantive tranquilo, confiante e em paz, pois sabia que não importa o que acontecesse, o grupo só me deixaria quando eu estivesse em um "porto seguro". Obrigado Cmte por transparecer e nos contagiar com estas qualidades que só um verdadeiro líder pode ter e ser, pois mesmo estando diante dos piores problemas, e por mais que eles se mostrem sem solução, nunca nos sentimos sozinhos e desamparados. Conte comigo. A todos os amigos e novos amigos, muito obrigado por tudo e pelos grande momentos que passamos juntos nessa grande e única aventura. Peço desculpas por algum inconveniente caso tenha ocorrido com algum integrante. Espero poder em breve estar sentado junto com todos, rindo de tudo o que passamos. Levarei estas experiências bem guardada comigo, esperando a grande oportunidade de um dia poder contar com entusiasmo quantas vezes forem necessárias tudo o que passamos para os meus filhos e os filhos dos meus filhos. Grande abraço a todos e até a próxima aventura. Att Alexandre Lessa Hayabusa Ps.: tamujunto galera
   
   
28/05/2012 - "VIAGEM USHUAIA - FIN DEL MUNDO" DE 30/4 À 28/05/2012 - 12 MOTOCICLISTAS!!!
Ushuaia, fim do mundo! Esta frase mexe com os pensamentos e emoções e de muitos MOTOCICLISTAS! E foi assim que no meio do ano passado surgiu a idéia do integrante Geraldo (Moto Clube de Macaé) de fazermos esta viagem ao fim do mundo, de motos! Lançada a ideia para os integrantes e amigos Motociclistas, pouco tempo depois tínhamos um seleto grupo de aventureiros dispostos a participarem da viagem, sonho de todo motociclista que gosta das estradas. E esta viagem, teria desafios e ninguém poderia reclamar, pois seriam cerca de 13 mil km de muita adrenalina, paisagens deslumbrantes e uma experiência de vida que seria marcante para o resto de nossa existência. As reuniões começaram, muitas trocas de emails e o grupo foi constituído por sete integrantes do MC Macaé e mais cinco amigos, de São Pedro da Aldeia, Cabo Frio, Rio de Janeiro e São Paulo, além de um jipe Engesa. Os viajantes do moto Clube de Macaé iniciaram a viagem no dia 30 de abril em 7 motos, pernoitando em Foz do Iguaçu-PR. Dia 03 de maio o grupo se juntou na cidade de Eldorado, na Argentina (República de Missiones), após atravessarmos a fronteira de Puerto Iguazu. Começamos descendo pelas rutas argentinas 12 e 14, passando pelas cidades Passo de los libres e Entre Rios. Passamos por Buenos Aires e pegamos a famosa ruta 3. Bom tempo e temperatura amena o tempo todo. Em Bahia Blanca entramos na Patagônia argentina e o cenário começou a se alterar. Vegetação mais baixa e o clima mais agressivo, com ventos um pouco mais fortes e temperatura na faixa dos 13 graus. Passando pelas cidades de Puerto Madryn, Península Valdez, fomos definitivamente apresentados à Patagônia. A temperatura despencou para casa dos 3, 4 graus e o vento de oeste ficou mais forte, cuja sensação térmica nas estradas era de (-15º). O espaçamento entre postos de gasolina aumentou e o tráfego pela excelente ruta 3 ficou mais reduzido. Planícies intermináveis, retas de perder a vista, espaços livres fantásticos! Comodoro Rivadávia sem grandes ventos e Puerto San Julian e Rio Gallegos com frio de rachar os ossos! Passagem pelo Estreito de Magalhães com o mar parecendo uma piscina e demos entrada na Terra do Fogo. Ao atravessarmos a fronteira com o Chile, pegamos os 120 km de ripio (estrada de pedras) da cidade de Cerro Sombrero ate San Sebastian e depois retornamos ao maravilhoso asfalto da ruta 3, adentrando à Argentina. Pernoitamos em Rio Grande, para não termos surpresas na hora da passagem pelo Passo Garibaldi (possibilidade de gelo na pista) e às 13:15 horas do dia 12 de maio chegamos à Ushuaia, após enfrentarmos cerca de 180 km de chuva e um frio de 2 graus (concluindo a RUTA 3 – 3.079 KMS DE BUENOS AIRES ATÉ O FIN DEL MUNDO). A emoção tomou conta do grupo pelo feito realizado. Sem dúvida um dos maiores sonhos de todo "motociclista de carteirinha" tinha sido realizado! Chegar a Ushuaia em duas rodas, bom demais! Fomos para o hotel e no dia seguinte concluimos a viagem, indo ate o Parque Nacional da Terra do Fogo, Baia Lapataia, onde tiramos a esperada e sonhada foto perto da placa : " aqui termina a ruta 3". Dia 15 iniciamos o retorno para o Brasil. Parte do grupo passou por Punta Arenas, Torres del Paine e El Calafate, onde puderam apreciar as paisagens mais lindas da América do Sul. Pegamos a nossa já conhecida ruta 3 e iniciamos o retorno. Desta vez o frio ficou mais forte e enfrentamos ventos na área de Comodoro Rivadávia que mostraram sua força total, atingindo marcas de 100 km por hora, suficiente para virar um caminhão baú vazio, que estava indo em direção à Comodoro Rivadávia. Tocamos com toda a cautela que podíamos, com velocidades na faixa de 80 a 90 km/h, motos inclinadas para a esquerda e, cerca de uma hora depois, entramos em uma região de montanhas, onde o vento deu uma trégua. Neste dia dormimos em Comodoro Rivadávia, para descansar os braços. Passamos por Buenos Aires, Montevidéu e Punta Del Este (onde passamos dois dias), atravessando a fronteira do Chuí-RS, Santa vitória do Palmar, Pelotas e Porto Alegre, curtindo a gostosa temperatura de 15 graus!! Chegamos em casa dia 28, cumprindo o planejamento realizado e com a grata satisfação de um sonho realizado! Fomos e voltamos com segurança, aguardando a chegada do 12º Motociclista (Alexandre) que está aguardando reparos da sua moto em POA. Ficaram as experiências adquiridas ao longo desses dias e o crescimento do grupo, no aprendizado continuo da boa convivência! Agradecemos a Deus pela proteção e pela chance de realizarmos uma empreitada destas! Valeu mesmo!,, Saudações Motociclísticas a todos!!! PARTICIPANTES (PILOTOS): (Moto Clube de Macaé) AILTON E POLIANA (MOTO HARLEY DAVIDSON – 1600 CC.) PAULINHO E ROSELAINE (MOTO HARLEY DAVIDSON – 1600 CC) VITOR (MOTO HARLEY DAVIDSON – 1600 CC) ALEX (MOTO HARLEY DAVIDSON – 1200 CC) GERALDO E FÁTIMA (MOTO HONDA GOLDWING – 1800 CC) EDNO (MOTO HONDA VARADERO 1100 CC) SONIA (MOTO HONDA SHADOW 600 CC) (Outros Amigos Motociclistas) FERRAZ E MARILUCE- DANIEL E FLÁVIA (S.Pedro D’Aldeia (MOTOS V-STROM 1100 CC) DINO E SAMANTHA (Cabo Frio) – (MOTO V-STROM 1100 CC) ALEXANDRE E ANA CAROLINA (Rio de janeiro) – (MOTO HAYABUSA 1300 CC) VAMPRÉ E VERA (São Paulo) – (MOTO V-STROM 1100 CC) (Apoio) D’ALESSANDRO E MIRTES - (JEEP ENGESA) ATÉ A PRÓXIMA EM 2014 ( ROTA 66 E.E.U.U.) ... SE DEUS QUISER!!! Aílton Presidente MC Macae. (DEPOIMENTO - APOIO: COMTE. FERRAZ)
   
   
28/05/2012 - EXPEDIÇAÕ USHUAIA/2012 - 30/4 A 28/5/2012
IMAGENS INÉDITAS DESTA FANTÁSTICA VIAGEM - (FOTOS) CLIQUE NA FOTO AO LADO!!!
   
   
18/05/2012 - "USHUAIA - DESAFIOS D0 MOTOCICLISTA"
COM TODAS AS DIFUCULDADES, O NOSSO COMPANHEIRO ALEXANDRE RELATOU: Subject: OBJETIVO ALCANÇADO!!! - HAYABUSA EM USHUAIA/2012 Date: Fri, 18 May 2012 04:34:37 +0000 Olá a todos do grupo, participante diretos e indiretos. No dia 16 cheguei a Ushuaia, tremenda emoção e felicidade de poder colocar na minha vida de motociclista esta maravilhosa experiência, adquirida com muita determinação e força de vontade, contando lógico com o apoio dos amigos e esposa. No dia 11 eu e Dino ficamos atolados a 43km de Cerro Sombrero (local extremamente deserto) e com as motos inoperantes próximo a Ruta internacional 257 (um caminho diferente nos foi dado pelo gps e resolvemos segui-lo), isso ocorreu por volta das 12 horas e só conseguimos resolver as 22 horas, debaixo de muito frio (1o C), chuva, estresse e precárias condições de solução para o grande problema. No dia seguinte (12) estávamos exaustos e ainda fomos lavar as motos minuciosamente, já que todos os componentes móveis possíveis estavam tomados por lama endurecida. Partimos ao encontro das esposas no dia 12 para Ushuaia de carro (alugado em Cerro Sombrero das mãos de um amigo de última hora, heheeh... (isso já é uma outra história, vou deixar para o Dino contar, heheehh)). Mas dentro do meu coração estava o sentimento de "DEVER NÃO CUMPRIDO", precisava retomar a viagem novamente e esse fantasma eu não queria comigo durante a minha vida, estar a 400km de Ushuaia e não cumprir o percurso seria triste para mim. No dia 15 voltamos para Cerro Sombrero (ainda de carro), mas já com tudo planejado para voltar a Ushuaia (sozinho, já que todo o grupo havia cumprido o percurso e "ticado" a meta). Deixei o carro as 14hs e as 15:30 hs estava iniciando 120km de rípio, debaixo de muita chuva e frio, para cumprir a missão de poder chegar de moto ao Fin Del Mundo (Terra Del Fuego) e no último km (3079) da Ruta Além do compromisso de estar em El Calafate dia 17 para encontrar a Carol, não poderia gastar tempo com refeições diárias e nem sequer ir ao banheiro, então consumi o mínimo de líquido possível e durante todo o percurso até chegar a Rio Gallegos (de onde partiria para El Calafate) resolvi adorar táticas de guerra extrema,heheheh, comer pouco e o básico pelo caminho, isso resolveria em parte o meu problema, pois ainda teria que correr contra o tempo, pois lidaria com baixíssima velocidade nos percursos perigosos de curvas sinuosas, risco de gelo na pista da serra em Paso Garibaldi e as burocracias das Aduanas Chilenas e Argentinas. Percorri o rípio de 120km em 2 horas exatas e pernoitei em Rio Grande (200km de Ushuaia), no dia 16 acordei as 5 horas e as 6 horas (ainda escuro) estava partindo debaixo de forte chuva, vento e frio para Ushuaia, antes de subir a serra e enfrentar Paso Garibaldi, (já eram 8 horas da manhã e ainda estava escuro) resolvi obter informações e me disseram que em Ushuaia o dia estava maravilhoso, ou seja, é a terra onde nada é certo, tudo muda, rsrsrsrsrs. Parti...!, e na serra dei de cara com névoa densa, vento forte, chuva fina, pista escorregadia e muito, mas muito frio a 450 metros de altitude, parecia que Garibaldi estava vivo e nervoso...hehehehehe, percorrendo a uns 20km/h cheguei a Ushuaia as 12 horas, gritando de felicidade, rindo sozinho e com uma emoção que as palavras não podem descrever, mas ainda faltava partir para o fim da Ruta 3 (km 3079) enfrentando 12km de rípio congelado e escorregadio, voltar pelo Paso Garibladi e enfrentar mais 120km de rípio até chegar a Cerro Sombrero, ou seja, ainda não havia acabado... (uma guerra é vencida batalha por batalha), cheguei ao fim da Ruta 3 por volta das 13 horas (festa pra todo lado e alegria pra geral) e as 14 horas estava subindo Paso Garibaldi (com cautela e respeito, pois a "chapa tava quente"), as 15:50 horas exatas estava em Rio Grande (a uns 70 km das aduanas em San Sebastian), abasteci e parti para San Sebastian (aduana chilena e argentina) para enfrentar as burocracias de passagem. No meu gps marcava pôr do sol as 17:15 horas, logo estava 2 horas atrasado, mas naquele momento tudo era festa (havia chegado de moto a Ushuaia, de moto não, quer dizer... de HAYABUSA...), estava radiante de felicidade, algo inexplicável... só pode ser sentido... Após a passagem nas aduanas, iniciava os 120km de rípio exatamente as 16:48 horas, fim da tarde e início da noite, as 18 horas estava em pleno breu. As 18:48 horas terminei os 120km rípio, várias batalhas ganhas, estava com fome, frio, sede, cansado e exausto..., mas estava feliz e com paz (coisa de motociclista né?, alguns dizem ser loucura, doidera..., prefiro encarar como Missão Cumprida). A cada obstáculo transpassado o meu capacete parecia que iria explodir de tanto que eu gritava e vibrava de felicidade e emoção. Abasteci a moto em Cerro Sombrero e iniciava a retomada da minha viagem, a viagem que tanto eu havia sonhado..., as 20 horas estava na balsa atravessando o Estreito de Magalhães, as 21 horas na aduana e partindo para Rio Gallegos, as 22 horas chegava ao Hotel Santa Cruz e a única força que me restava era a de cumprir aquele finalzinho de burocracias de hospedagem. Entrei no quarto, sorriso que não cabia mais na boca, maluco e falando sozinho... o corpo já não existia mais, exausto, cansado... Mas querem saber de uma coisa... VALEU e passaria por tudo de novo, eu me conheço e sei que um dia, se eu estiver velhinho e deitado a descansar em uma cama, trocaria todos os meus dias de vida por uma única oportunidade de voltar no tempo e poder completar os 400km de Cerro Sombrero até Ushuaia. Acordei ontem (17) as 9 horas, tomei café falei com os amigos do grupo do Moto Clube Macaé e parti para encontrar minha esposa e amigos que já estavam em El Calafate. "O Dia Seguinte", dia de comemorar a vitória, estava estampado no meu semblante e nada poderia ofuscar aquele e os momentos que estou passando junto com os amigos, adquirindo experiências que nunca esperei adquirir, na Patagônia é assim, e é aqui que estamos, se não acontecer algo é porque alguma coisa não está normal. Acredito que nada na vida é por acaso, tudo que acontece tem um objetivo e um propósito. Sei que ainda tenho que passar muitas experiências, mas antes de terminar esta viagem, já estou me sentindo outro e pronto para mais um desafio... que venha! Como explicar o inexplicável??? Não sei como expressar o meu carinho por todos, mas agradeço de coração aos amigos pelo apoio e incentivo. Deus abençoe a todos, sabendo que sem Ele nada seria possível. Grande abraço. Alexandre Lessa Hayabusa em Ushuaia/2012
   
   
07/01/2012 - "FESTA DE CONFRATERNIZAÇÃO DO MOTO CLUBE DE MACAÉ" - SÉDE
CONFRETARNIZAÇÃO E COMEMORAÇÃO DOS ANIVERSARIANTES DO MES DE JANEIRO/2012
   
   
Untitled Document
 

Acessos: 1157891